quarta-feira, 23 de agosto de 2017

PRAÇA DE ITÁLIA [ I ]

«A PRAÇA DE ITÁLIA NO ALTO DO RESTELO»
 Praça de Itália - (2015)  -  (Panorâmica mais aproximada da "PRAÇA DE ITÁLIA" no Alto do Restelo)  in   GOOGLE EARTH
 Praça de Itália - (2015)  -  (Panorâmica parcial da freguesia de "BELÉM" onde se insere a "PRAÇA DE ITÁLIA"  in  GOOGLE EARTH
 Praça de Itália -  (2000) - Foto de Alexandra C.  -  ("Capelinha de São Jerónimo" muito perto da PRAÇA DE ITÁLIA, foi construída em 1514, nos terrenos da cerca dos Monges Jerónimos do  "Mosteiro de Santa Maria de Belém", classificado como Monumento Nacional )  in   MAPIO 
 Praça de Itália -  ( 2016 )  -  ( Uma parte da "PRAÇA DE ITÁLIA", no local uma placa Toponímica do Tipo IV)   in  GOOGLE EARTH
 Praça de Itália - (2016)  -  (A "PRAÇA DE ITÁLIA" com a capelinha de São Jerónimo em fundo)  in  GOOGLE EARTH
Praça de Itália -  Século XVIII - Pintura de Stephan Kessler -   (Santo António de Lisboa ou Santo António de Pádua. Nasceu em Lisboa a 15.08.1191 e faleceu em Pádua (Itália) em 13.06.1231) (ABRE EM TAMANHO GRANDE)   in    WIKIPÉDIA


- INÍCIO - PRAÇA DE ITÁLIA [ I ]

«A PRAÇA DE ITÁLIA NO ALTO DO RESTELO»

A «PRAÇA DE ITÁLIA» pertencia à freguesia de "SÃO FRANCISCO XAVIER" hoje pela REFORMA ADMINISTRATIVA DE LISBOA DE 2012, passou a designar-se freguesia de «BELÉM». Por deliberação Camarária de 29.08.2001 e EDITAL de 11 de Setembro de 2011 foi-lhe atribuído o topónimo de "PRAÇA DE ITÁLIA" ao anterior arruamento com início na "RUA PÊRO DA COVILHÃ".
O "Largo" junto à histórica CAPELINHA DOS JERÓNIMOS,  numa zona privilegiada e nobre no ALTO DO RESTELO, veio dar o nome ao espaço que era anónimo que passou ser ali a «PRAÇA DE ITÁLIA» ( 1 ).
A inauguração desta Praça é pretexto para um desfilar de recordações e ligações entre italianos e lisboetas.
Embora se trate de um topónimo que não suscitaria grande debate fosse qual fosse a ocasião, consagra amizades e relações velhas que vem sempre a propósito.

Na verdade, a ITÁLIA, por si mesma ou através da antiga "ROMA" ou ainda de muitas das suas regiões e cidades, tem tido presença constante na vida de LISBOA. A similitude entre dois povos são algumas; ambos latinos, ambos imaginativos, ambos adaptáveis a condições adversas e à emigração, ambas um tanto exagerados ao desfilarem as próprias qualidades...   As diferenças começam quando nos víramos, por exemplo, para a monumentalidade, esmagadora e difundida no país transalpino, serena, quase doméstica, aconchegadinha entre nós.

Um tanto à força, LISBOA - através de um visionário  -  entendeu a dada altura que uma das suas semelhanças com ROMA estava nas "sete colinas" as quais assentariam ambas as cidades.  Mas a verdade é que a capital não tem dificuldade em as evidenciar, enquanto que as nossas já são hoje muitas mais e, quanto às primitivas, nunca foram, salvo melhor opinião, muito bem explicadas.

Trocas de SANTAS estão nas relações entre LISBOA e a ITÁLIA, exageram "prendas" de vulto. Não há dúvida de que, nesse capítulo, não nos faltou generosidade. Logo no século XII, foi para a península "ITÁLICA" o que de melhor havia em LISBOA: o nosso SANTO ANTÓNIO, nascido e baptizado na "SÉ", aluno aplicado da Escola da CATEDRAL, estudioso regrante entre os frades AGOSTINHOS no MOSTEIRO lisboeta de SÃO VICENTE, foi dádiva inestimável desta cidade a ITÁLIA. Foi por lá que se revelou como orador, é certo; por lá fez muitos dos seus milagres; por lá patenteou a sua santidade.  Mas a semente levou de cá.
A figura do "TAUMATURGO" ( 2 ) é hoje Universal, concede-se. Mas dá sempre vontade ao alfacinha empedernido de, quando vê uma imagem de "SANTO ANTÓNIO" "de PÁDUA", acrescentar por baixo "nascido e criado em LISBOA"  .

- ( 1 ) - O nome de "ITÁLIA" foi atribuído a esta PRAÇA onde reside nesta freguesia parte da comunidade italiana, e por ocasião da visita ao nosso país do seu Chefe de ESTADO em 2001.

- ( 2 ) - TAUMATURGO - (do Gr. thaumatourgós) adj. e s. m. que ou aquele que opera milagres. 


(CONTINUA)-(PRÓXIMO)«PRAÇA DE ITÁLIA [ II ] AS TROCAS ENTRE ROMA E LISBOA»

Enviar um comentário